Ouve a explosiva banda sonora de Atomic Blonde

David Leitch, realizador de “Atomic Blonde: Agente Especial” e de “John Wick”, trouxe para este seu novo filme o visual estilizado do filme com Keanu Reeves, mas não deixou a banda sonora ao acaso. 

Se o nome Charlize Theron não for um chamariz suficiente para não deixar de perder “Atomic Blonde – Agente Especial” nos cinemas (a 10 de agosto), hoje apresentamos um segundo isco. E que isco! Trata-se da banda sonora oficial do filme, recheada de hits dos anos 80.

De “Cat People” de David Bowie a “London Calling” dos The Clash, passando pela música que deu a John Houlihan, supervisor musical do filme, suores frios instantâneos (segundo diz o Business Insider), a “Father Figure” de George Michael, a música de “Atomic Blonde” não se dispõe apenas a contextualizar o espectador na época, mas dá também força àquilo que se vê na tela.

Esta coleção de temas não ficou, contudo, nada barata. O orçamento de licença das músicas começou em cerca de de US$ 200.000 – ou como disse Houlihan ao Business Insider, menos do que um orçamento de catering de um mês em “Deadpool 2′”, onde Houlihan e Leitch repetem as suas funções de supervisor musical e realizador – mas permitiu criar esta coletânea deliciosa:

Lê Também:
Quiz MHD | Tens o poder de uma Atomic Blonde?

Em “Atomic Blonde: Agente Especial”, Charlize Theron interpreta a agente Lorraine Broughton na adaptação cinematográfica da banda desenhada “The Coldest City” da autoria de Antony Johnson e Sam Hart. David Leitch (“John Wick”) lidera Atomic Blonde, um thriller de ação que tem lugar durante a Guerra Fria e que segue a agente Broughton na véspera do colapso do Muro de Berlim.

O elenco  de Atomic Blonde conta também com o talento de James McAvoy, John GoodmanSofia BoutellaEddie Marsan e Toby Jones.

 

Daniel E.S.Rodrigues

Sonho como se estivesse num filme de Wes Anderson, mas na verdade vivo no universo neurótico de Woody Allen. Sou obcecado pela temporada de prémios, e gostaria de ter seguido a carreira de cartomante para poder acertar em todas as previsões dos Óscares, Globos de Ouro (da SIC), Razzies, Troféus TV7 Dias e Corpo do Ano Men's Health. Mas, nesse universo neurótico e imperfeito em que me insiro, acabei por me tornar engenheiro. Sigam-me no Instagram para mais bitaites sobre Cinema, Música, Fotografia e outras coisas desinteressantes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *