Bill Skarsgård em "Castle Rock"

Castle Rock, a série inspirada em Stephen King, já tem data de estreia

“Castle Rock”, baseada em várias histórias de Stephen King,  é uma das séries mais aguardadas para este ano, e finalmente sabemos quando irá estrear.

Material sobre o célebre mestre do horror, Stephen King, nunca foi fonte escassa para o cinema, nem para a televisão. Prova disto foi o êxito estrondoso que o remake de “IT” alcançou o ano passado, levando a uma sequela directa. O novo projecto que recorre ao trabalho do autor irá ser um pouco mais ambicioso. “Castle Rock”, a nova série da Hulu, promete percorrer várias histórias e contos da bibliografia completa de King. De acordo com a sinopse da Hulu:

[Castle Rock] É uma série de terror psicológico baseada no universo de Stephen King, que irá combinar a escala mitológica e a narrativa intimidante a que o autor nos habituou.

“Castle Rock” tem, assim, a premissa de reunir as mais acarinhadas obras de King, numa saga épica entre a luz e a escuridão, disputada a poucos quilómetros da floresta de Maine. Esta cidade ficcional de Castle Rock tem sido uma presença constante na bibliografia do autor, fazendo parte de livros como “Cujo”, “The Dark Half”, “IT” e “Needful Things”, entre outros. Desta forma, os fãs terão muitas referências para desmascarar.

Lê Também:
As 10 MELHORES SÉRIES a estrear em 2018!

A primeira temporada será uma história única centrada no advogado Henry Deaver (Andre Holland), que regressa à sua cidade Natal de Castle Rock para representar Pennywise (Bill Skarsgård), que se encontra encarcerado na prisão de Shawshank. Já a segunda terá uma narrativa e elenco completamente diferente, segundo divulgado pelo produtor executivo, Dustin Thomason, na última edição da Comic Con de Nova Iorque.

TRAILER | PREPARADO PARA ENTRAR NO MUNDO DE STEPHEN KING CENTRADO NA PEQUENA CIDADE DE CASTLE ROCK?

“Castle Rock” tem lançamento marcado para dia 25 de Julho na plataforma Hulu. Será que irá ter o aval do mestre?

Inês Serra

Cresci a ir ao cinema, filha de pais que iam a sessões duplas...Será genético? Devoro livros e algumas séries. Fã incondicional do fantástico e do sci-fi. Gostaria de viver todos os dias com o mote Spielbergiano - "I dream for a living"

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *