All Geek | Porque estamos entusiasmados com Fantastic Four?

 

O novo filme da saga ‘Fantastic Four‘ chega aos cinemas esta quinta-feira, mas não sem antes gerar alguma controvérsia.

Durante as filmagens, vários rumores espalharam-se sobre grandes falhas no processo de desenvolvimento do novo reboot, nomeadamente, falhas ligadas ao mau-estar gerado pelo jovem realizador Josh Trank (‘Chronicle’). Essas mesmas falhas podem até mesmo ter custado um futuro filme de “Star Wars” ao realizador, no entanto, foram em grande parte as estratégias de marketing que deixaram todos os fãs em desespero e com as expectativas muito baixas.

O filme parece ser alvo de críticas desde o inicio, algumas tão pobres quanto o facto da personagem de Johnny Storm ser interpretado por Michael B. Jordan – um actor afro-americano. Agora que tiramos esta parvoíce do caminho, vêm a razão número um pelo qual este filme poderá provar todos os fãs errado.

O ELENCO É TALENTOSO!

fantastic four cast
Milles Teller, Kate Mara, Michael B. Jordan e Jamie Bell.

 

LÊ AINDA: Fantastic Four | Os poderes dos super-heróis explicados por Michio Kaku

O elenco é composto por quatro dos melhores jovens actores em Hollywood. Milles Teller, Kate Mara, Michael B. Jordan, Jamie Bell e Toby Kebbell são os protagonistas da nova aventura dos ‘Fantastic Four’ – os primeiros quatro representam, respectivamente, Sr. Fantástico, Mulher-Invisível, Torcha-Humana e O Coisa. O vilão é o já habitual Dr. Victor Von Doom, desta feita nas mãos de Kebbell.

Milles Teller é conhecido especialmente pela sua atitude mais rebelde, mas foi no drama ‘Spectacular Now’ e em ‘Whiplash’ que o jovem actor começou a conquistar alguma credibilidade junto das audiências. Nesta versão mais séria de um jovem Richard Reeds, o actor deverá ter de saber mesclar bem a sua rebeldia com o seu lado mais tonto e nerd que se espera de uma das mentes mais brilhantes do século. Além disso o actor já esteve outrora na lista para se tornar Homem-Aranha. Portanto, há ali algumas vibes de super-herói que todas as empresas parecem ver.

Kate Mara tem estado nas bocas do mundo,principalmente devido à sua presença em ‘House of Cards’. A jovem actriz poderá não ser a primeira escolha de todos para substituir Jessica Alba no papel de Sue Storm, mas os estúdios parecem acreditar no seu potencial, não fosse a mesma também já escolhida para um papel em ‘The Martian’ com Matt Damon. A actriz também já participou em “Homem de Ferro 2”, portanto, o mundo aos quadradinhos não lhe é uma novidade.

Os últimos dois membros são também caras conhecidas pela demografia do filme e curiosamente, ambos já representaram personagens com super-poderes. Michael B. Jordan, ao lado do mesmo realizador Josh Trank, foi uma das figuras centrais de ‘Chronicle’, um filme sobre jovens que conseguem super-poderes devido a um meteorito vindo do espaço. Jamie Bell foi um dos teleportadores em ‘Jumper’, o filme que contou também com o próprio Nick Fury em Samuel L. Jackson. Michael B. Jordan é um ávido fã de banda-desenhada, tendo até já emprestado a sua voz para um dos filmes de animação da DC Comics, enquanto que Jamie Bell já conta com a experiência de alguns blockbusters anteriores.

DR. DOOM É POSSIVELMENTE O MELHOR VILÃO DAS BD

dr doom fantastic four villain

 

LÊ AINDA: Fantastic Four | 6 de Agosto nos cinemas

Toby Kebbell não é um estranho a grandes produções, mas provavelmente nunca trabalhou em algo com tanto destaque. O actor britânico vai dar vida a Victor Von Doom, conhecido como Dr. Doom. Além do seu intelecto brilhante e manipulador, o vilão é um dos favoritos de todo o mundo da banda-desenhada. A sua aparência ameaçadora e totalmente badass distingue o mesmo de outros nomes. O vilão é dono de uma força sobrenatural, tendo na banda desenhada conseguido sobreviver e em vezes derrotar nomes como Hulk, Thor e o Coisa.

A sua característica principal é a arrogância e o narcisismo. O mesmo é considerado realeza no seu país-natal da Latveria e isso, muitas vezes leva-o a tentar tornar-se algo mais do que o que realmente é. O seu maior medo é que Richard Reeds seja de facto, um homem mais brilhante que ele. No fundo ele sabe que no mínimo estão ao mesmo nível, mas esta insegurança leva-o a tomar riscos que poucos vilões tomam.

Na banda desenhada a armadura de Doom é incrível devido aos gadgets que o próprio instala. Ele consegue transportar-se entre dimensões e locais, e o mesmo possui os conhecidos ‘Doombots’, que em todos os aspectos são cópias dele, impossíveis de distinguir.

JOSH TRANK É IRREVERENTE E ORIGINAL

josh trank filming fantastic four

LÊ AINDA: Novo trailer do reboot de Fantastic Four.

O realizador é um bocado snobe, se assim o podermos qualificar. Ele sempre disse que fazia cinema pela paixão, e não pelas grandes produções dos grandes estúdios. Geralmente, mostra originalidade no seu trabalho e de acordo com Simon Kinberg (produtor executivo do mundo Marvel da FOX) foi o realizador quem trouxe a ideia do reboot, isto porque o mesmo tinha uma ideia diferente, mais negra e mais séria para se aproximar às quatro míticas personagens.

O mesmo promete tornar ‘Fantastic Four’ num filme mais sobre ficção cientifica do que no típico filme de super-heróis. E se há palavra que tem sido mais vendida é: “caracterização” e, ainda falam da “importância das personagens”. E com tanto produto Marvel a ser formatado e a seguir linhas genéricas, esta adição poderá ser uma que se destaque no mundo das adaptações de banda desenhada. Já sabemos que os aspectos técnicos do filme parecem estar em boas condições de acordo com os trailers, sabemos também que vamos ter sequências flashback – mas terá conseguido Josh Trank mais um sucesso crítico, depois da sua estreia em ‘Chronicle’?

Se tudo correr como previsto, Josh Trank poderá ser o realizador que irá ajudar a debutar aquele que poderá ser o segundo universo da Marvel no cinema, e dessa forma, criar uma “ponte de dimensão” entre os Fantastic Four e os X-Men.

AS ANÁLISES MAIS RECENTES SÃO EXTREMAMENTE FAVORÁVEIS!

 


 
Por último, mas não menos importantes, estão as análises de todos os críticos que puderam dar uma vista de olhos mais cedo que toda a plebe comum. Os estúdios da 20th Century Fox lançaram uma regra de que nenhuma conversa sobre o filme deveria ser lançada até a dois dias antes da estreia (hoje), e isso foi apenas mais uma razão para que os haters caissem em cima da produção – afirmando que estavam a fazer isso porque o filme era terrível. Acontece que algumas mentes esquecem-se que Mad Max: Fury Road teve direito à mesma regra, e sem sombra de dúvida, é o filme do ano para já.

Aqui na MagazineHD já temos nos nossos planos ter a nossa crítica integral de ‘Fantastic Four’ até sexta-feira, portanto não se esqueçam de nos visitar até lá!

 


 


 


 


 


 
Como podem ver a maioria das reacções são todas extremamente positivas. Está claro que não podemos pegar num par de tweets e assumir que este filme vai mudar a indústria. Mas se aqueles afortunados que conseguiram uma espreitadela antes do resto dos mortais, parecem genuinamente ter saído de lá felizes, quais são as chances que todo o resto do mundo não fique com a mesma sensação?

Depois disto, estás mais ou menos interessado em ver o novo ‘Fantastic Four’? Deixa-nos a tua opinião nos comentários!

 

Marcos Mendes

Um membro representante da cultura geek, criativo e apaixonado pela sétima arte. Sigam-me no Facebook para mais comentários e opiniões sobre o mundo do cinema e televisão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *