Guardiões da Galáxia Vol. 2 | © 2017 - Disney/Marvel

Guardiões da Galáxia 3 e Suicide Squad continuam em desenvolvimento

“Guardiões da Galáxia 3” e “The Suicide Squad” mantêm-se inalterados face à pandemia do Covid-19. Quem o garante é o cineasta responsável, James Gunn.

Todas as grandes estreias previstas para março, abril e maio de 2020 já começaram a ser adiadas, mas alguns estúdios já tomaram decisões de longo prazo e refizeram todo o calendário de estreias. O retorno à vida “dita normal” ainda não é garantido e as produtoras querem antecipar-se a eventuais perdas de dinheiro nas bilheteiras caso os filmes estreiem numa data com pouca afluência.

No entanto, apesar destes re-agendamentos, parece que “Guardiões da Galáxia 3”, da Marvel Studios, e a nova versão de “Esquadrão Suicida”, da DC Comics, não serão prejudicados. Segundo James Gunn, o realizador responsável pelos dois filmes, os projectos mantêm a sua data de estreia inicial, não havendo por isso alterações devido à interrupção de eventuais trabalhos em curso durante esta fase de pandemia.

Lê Também:
Marvel Cinematic Universe | Os maiores escândalos

Numa sessão de Q&A com os fãs na sua conta de Twitter, o realizador confirmou que “The Suicide Squad” continua com estreia marcada para 6 de agosto de 2021, referindo que estão a cumprir com o agendamento, e eventualmente um pouco adiantados ao esperado. A nova versão, que volta a contar com Margot Robbie, Viola Davis, Joel Kinnaman e Jai Courteney, conta também com novas caras como Idris Elba, John Cena, Peter Capaldi, Taika Waititi, David Dastmalchian, Daniela Melchior e Nathan Fillion. Segundo Gunn, as filmagens inclusive já havia terminado em fevereiro passado, não tendo sido por isso interrompidas devido ao Covid-19.

Em relação ao projecto da Marvel e Disney, o cineasta garantiu que os planos se mantêm. A Marvel Studios, que recentemente divulgou o novo calendário de estreias, não incluiu “Guardiões da Galáxia 3” no agendamento mas James Gunn referiu num tweet que os fãs não têm de se preocupar. O terceiro filme da saga volta a contar com o elenco principal, Chris Pratt, Zoe Saldana e Dave Bautista, os quais foram responsáveis por trazer Gunn (ao mostrar o seu apoio para com o cineasta e contra as críticas) novamente à cadeira de realização depois de várias polémicas com a Marvel Studios e Disney.

No entanto, apesar de estar tudo encaminhado, os fãs terão que aguardar um pouco mais por novas imagens de qualquer um dos projectos. Em relação a “Guardiões da Galáxia 3” não foram mesmo adiantados mais pormenores mas em relação a “The Suicide Squad” Gunn reforçou que apesar da edição estar a ser feita, os departamentos de marketing para divulgação de novas imagens ou trailers não estão a trabalhar ao mesmo ritmo em relação ao período pré-Covid-19.

Numa fase em que o cinema é incerto, concordas que se vão mantendo as datas de estreia?

Marta Kong Nunes

Arquitecta (com um c!) de formação. Coordenadora de profissão. Fanática de cinema e séries por pura paixão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *