Junkie XL – 300: Rise of an Empire | BSO em Análise

Junkie XL – 300: Rise of an Empire (Original Motion Picture Soundtrack) CD Sony

Rating: 7,5 /10

Junkie XL, ou JXL, é o nome artístico de Tom Holkenborg, um músico holandês que se destacou nas últimas décadas na área da música rock e da electrónica. Assinou para a prestigiada editora Play It Again Sam nos anos 1990 e trabalhou com nomes como Sepultura, Dog Eat Dog e Fear Factory, entre outros. Em 1997, aquando da edição do álbum “Saturday Teenage Kick”, usou pela primeira vez o nome Junkie XL, nome que o tem acompanhado desde então até ao presente. Em 2002 tomou de assalto as pistas de dança e os 1ºs lugares dos tops de todo o mundo, ao remisturar para um video-clip da marca Nike, “A Little Less Conversation”, um tema obscuro de Elvis Presley que inesperada e rapidamente se tornou num dos singles (e videos) desse ano. O disco saiu com a designação Elvis vs. JXL e deu uma visibilidade a Junkie XL até aí não conseguida. A partir de 2001, começou a envolver-se em projectos de música para cinema e assinou a banda sonora do filme holandês “Blind” em 2007.

300

Depois de uma série de bandas sonoras para diversos filmes, Tom Holkenborg, Junkie XL, compôs a totalidade da banda sonora  do filme “300: Rise of an Empire”, uma nova versão cinematográfica sobre a grande aventura da resisitência espartana à segunda invasão persa liderada por Xerxes. A banda sonora assenta em ritmos pesados próprios da poesia épica, género literário que na Antiguidade era considerado o mais nobre e tinha a seu cargo cantar os feitos de armas e as guerras. JXL percebeu isto e, de uma forma muito inteligente, misturou os ritmos épicos pesados (que hoje curiosamente nos soam a ritmos industriais) com sonoridades orientais, facilmente identificáveis com os persas, mas também com os espartanos. O resultado é uma excelente banda sonora, que serve eficazmente o filme, e um disco de rara qualidade, ao nível dos das bandas sonoras das séries televisivas “Guerra dos Tronos” de Ramin Djawadi e “Spartacus” de Joseph LoDuca. Não atinge, no entanto, a qualidade do CD de Jeff Beal com a banda Sonora da saudosa série “Roma”, mas essa é quanto a mim uma das melhores bandas sonoras (e séries) de sempre.

De “300: Rise of an Empire”, destaque para os temas “History of Artemisia”, “Marathon”, “Sparta”, “Xerxes’ Thoughts” e “Greeks Are winning”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *