"Scare Me" | © MOTELX

MOTELX 2020 | Programação completa da 14ª edição

MOTELX 2020 decorre de 7 a 14 de Setembro no Cinema São Jorge e vai contar com mais de 70 sessões ao longo do evento. Fica a conhecer a programação da 14ª edição!

O MOTELX 2020 está quase a começar e já temos a programação completa. Durante oito dias, de 7 a 14 de setembro, a 14ª edição do MOTELX apresenta-se no Cinema São Jorge (Lisboa), e irá reunir mais de 70 sessões com estreias oriundas de cinco continentes, clássicos, raridades e filmes sobre os grandes temas da actualidade, dos fantasmas do racismo até aos delírios em pandemia. A abertura será marcada por “Malasaña 32” e “The Rental” irá fechar o festival.

No entanto, há que destacar ainda o Warm-Up, que engloba eventos gratuitos de 3 a 5 de setembro e dá o mote para o arranque do Festival. Depois de “A Mulher-Sem-Cabeça”, uma performance/concerto a partir de um texto de Gonçalo M. Tavares com ilustrações ao vivo de António Jorge Gonçalves e voz do MC Papillon (3 de Setembro, Convento de São Pedro de Alcântara) e de um jantar encenado a partir de um texto de Fernando Pessoa (4 de Setembro, Espaço Brotéria), há projecção de “The Host” no Largo Trindade Coelho (5 de Setembro), a oportunidade para ver ao ar livre o monster movie que foi o primeiro grande êxito de Bong Joon-ho, realizador que fez história nos Óscares com “Parasitas“.

Lê Também:
MOTELx ’19 | Vencedores e balanço final

ABERTURA/ENCERRAMENTO

A abertura do Festival faz-se com “Malasaña 32” (“O 3.º Andar: Terror na Rua Malasaña” em Portugal), história de terror paranormal sobre uma família que troca a aldeia por um apartamento em Madrid e descobre que não está sozinha. Um filme de Albert Pintó ao estilo do melhor cinema de terror espanhol com estreia nas salas a 10 de Setembro. Na sessão de encerramento (13 de Setembro) há “The Rental”, slasher de Dave Franco sobre uma estadia em alojamento local que corre mal. Em sala a partir de 17 de Setembro, “The Rental” é o segundo filme de sempre nos EUA a ser número um nos cinemas e em VOD ao mesmo tempo e marca a estreia em realização do jovem Franco.

© MOTELX
“O 3.º Andar: Terror na Rua Malasaña” é o filme de abertura da 14ª edição | © MOTELX

ESTREIAS MUNDIAIS NO MOTELX

O MOTELX 2020 apresenta sempre vários filmes há muito esperados, mas nesta 14ª edição, na secção Serviço de Quarto, dedicado ao cinema de terror, existirão duas estreias mundiais! Os espectadores do festival português serão os primeiros a ver o filme japonês “A Beast in Love” (de Koji Shiraishi) e o argentino “History of the Occult” (de Cristian Jesús Ponce), e ainda a estreia europeia de dois filmes americanos: “Sanzaru”, conto gótico de Xia Magnus, e “Scare Me”, comédia de terror metaficcional de Josh Ruben que passou pelas meias-noites de Sundance.

MOTELX
“Scare Me” já fez furor nos Sundances e chega a Portugal agora em setembro | © MOTELX

PRÉMIO MOTELX – MELHOR LONGA DE TERROR EUROPEIA/MÉLIÈS D’ARGENT

Na edição de 2020, serão sete os filmes em competição pelo cobiçado Prémio. São eles,

  • “Advantages of Travelling by Train”, de Aritz Moreno (Espanha)
  • “Amulet”, de Romola Garai (Reino Unido)
  • “Darkness”, de Emanuela Rossi (Itália)
  • “Hunted”, de Vincent Paronnaud (Irlanda/Bélgica)
  • “Pelican Blood”, de Katrin Gebbe (Alemanha)
  • “Sputnik”, de Egor Abramenko (Rússia)
  • “Stranger”, de Dmitriy Tomashpolski (Ucrânia)
Lê Também:
MOTELx ’19 | Midsommar - O Ritual, em análise

FILMES A DESTACAR

Com lugar à exibição de vários filmes dos cinco continentes, o MOTELX 2020 será ainda palco para o terror de subtexto político da Turquia (“AV: The Hunt”) e da Guatemala (“La llorona”), misticismo folk da remota Iacútia, a zona habitada mais fria do planeta (“Ich-Chi”), um road movie em ácidos vindo da África do Sul (“Fried Barry”) e uma história macabra do Brasil (“Macabro” de Marcos Prado, produtor de “Tropa de Elite”), entre muitas outras propostas.

Aludindo à situação actual, e no capítulo pandemia, haverá sessão especial de “Epidemic” de Lars von Trier, um filme desconcertante de 1987 em que o realizador interpreta um médico à procura da vacina para uma epidemia que saltou de um guião de terror para a realidade. Já muito mais recente, há que destacar “Host” de Rob Savage, que apresenta uma aterradora sessão espírita por Zoom filmada durante a quarentena e em que o realizador teve de dirigir os actores à distância enquanto os próprios asseguravam a montagem das suas câmaras, luzes e stunts.

MOTELX
“Host”, de Rob Savage, apresenta uma sessão espírita via Zoom | © MOTELX

Na secção Doc Terror, “Leap of Faith: William Friedkin on The Exorcist” (Alexander O. Philippe) vai revisitar o grande clássico de 1973 e “Ivan o TerrirVel” recuperar a memória de Ivan Cardoso, criador brasileiro do subgénero terrir e um dos primeiros convidados do MOTELX. Há imagens da sua visita em 2007 neste documentário de Mario Abbade.

A completar as novidades desta edição em tempos de pandemia está “Grizzly II: Revenge”, uma curiosa remontagem de um filme perdido de 1983 que queria ser “Jaws” mas com um urso e onde podemos ver George Clooney, Laura Dern, Charlie Sheen e Timothy Spall em princípio de carreira. Está também confirmada a presença da equipa da produtora Bro Cinema, que virá ao MOTELX conversar sobre a aventura que foi filmar o recente “Color Out of Space” em Sintra com Nicolas Cage, alpacas e um realizador tornado eremita de montanha no sul de França, o convidado de honra do MOTELX em 2015, Richard Stanley.

Por forma a ir ao encontro das recomendações de segurança, todas as sessões do MOTEL 2020 serão mais espaçadas, com lotação das salas reduzida a 50% e reforço de higienização dos espaços e obrigatoriedade de uso de máscara.  Os bilhetes para o MOTELX estarão à venda já a partir de 31 de agosto, na Ticketline.

És presença assídua no MOTELX? Quais as tuas expectativas para esta edição?

Marta Kong Nunes

Arquitecta (com um c!) de formação. Coordenadora de profissão. Fanática de cinema e séries por pura paixão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *